Arquivos da categoria: Acontecimentos atuais

Uniao de todos para o sucesso!

A Uniao de todos e o segredo para o sucesso. Foi isto que ressaltou o Sr Prefeito falando ontem na reuniao das 17 hs no seu gabinete com os Empreendedores de Turismo de Igatu e Andarai.
Comentou que recebeu so elogios do Sao Joao Tradicional de Igatu, pela organizaçao interna comandada por Rita e Luiz Paulo e o importante apoio da Prefeitura e da Guarda Municipal. O patrolamento da estrada que leva a Mucuge o melhor dito que traz turistas de Mucuge para ca, o estacionamento de carros na entrada de Igatu o que tirou os carros do Centro historico e o translado de turistas para a Vila com o simpatico Rui
A decoraçao simples da Vila e das ruas por parte dos moradores, a atençao esmerada para com os visitantes a festa em geral com as quadrilhas, fogueiras e outras tradiçoes. E sem duvidas este o caminho para a Vila de Igatu no Sao Joao, temos que ficar nesta direçao que e isto que o turista de qualidade quer.
O mesmo esquema e ideias tem que ser reforçados no Carnaval, no Reveillon, na Pascua e em todos os eventos que farao Igatu se destacar cada dia mais no Turismo da Chapada Diamantina.
Na mesma reuniao foi destaque o pedido do Vereador Edgar para a colaboraçao dos comerciantes para com o evento proximo do Festival de Igatu. Os empreendedores presentes em torno de 20 se disponibilizaron com rapidez e cada um aportou dentro de suas possibilidades. Se discutiu as possiveis atraçoes e a relocalizaçao do palco para um lugar melhor. Foi lida a proposta da ASSETURAI com sugestoes e prioridades.
O Sr Prefeito aproveitou a reuniao para conhecer alguns empreendedores novos de igatu como Rita filha da Juliana e laila da nova creperia de Igatu. Ele aproveitou para convidar a Laila para a carteira vaga de Turismo e ela diz que vai pensar. Ficamos felizes pelo comprometimento de parte do Prefeito para com a Vila de Igatu e com o desenvolvimento do Turismo local.

Ale Dan
Vila de igatu, 02 de julho de 2014

Reuniao da Comunidade e Sr Prefeito 16-06

Reuniao entre a Comunidade de Igatu e o Prefeito de Andarai Sr. Wilson no Mercado Municipal de
Igatu, 16 de junho de 2014.
Wilson-Paes-Cardoso-48
O Sr Prefeito destacou a importancia de Igatu para o Municipio de Andarai e prometeu sua atuaçAo constante para que Igatu destaque-se na Chapada Diamantina. O objetivo de todos sera aumentar o fluxo de turistas em igatu criando eventos durante o ano.
Sobre o Sao Joao a Prefeitura vai organizar um estacionamento esterno a Vila para os passantes deixarem o carro la. A ideia e nao sobrecarregar a Vila de alto movimento de carros. Para os hospedes das Pousadas e Hoteis e os que vao ficar em casas e permitido entrar na Vila descarregar as malas e voltar o carro ao estacionamento. Sera cobrada uma taxa unica de 20 reais para 5 noites no estacinamento por guardas da Prefeitura que estarao responsaveis pelos carros especialmente a noite. Teremos o apoio da Guarda Municipal na entrada de Igatu. Sera disponibilizada uma kombi e motorista para trazer e levar os turistas desde e ate o estacionamento. O Prefeito deixou a ideia que os donos de estabelecimentos comerciais de Igatu se unirem para comprar um veiculo para estes fins e nao depender da Prefeitura para isto.
Foi disponibilizado R$ 5000 para a contrataçAo de 3 sanfoneros para 3 dias de festa em Igatu e R$ 2000 para os alimentos do pessoal da TV Cultura que vem fazer a cobertura do Sao Joao em Igatu.
Rita anunciou que juntou mais de R$ 3000 reais para o Sao Joao com os bingos e os brexos dinheiro que serve para a ornamentaçao.
Sera patrolada a estrada que vai de igatu em sentido a Mucuge, o Prefeito adiantou que ate final do ano a mesma estrada de barro sera toda cascalhada. Sera providenciado para isto a compra de duas caçambas as que servirao tambem para o completamento do recheio nos alicerces da quadra de Esportes de igatu
Festival de Igatu, O Prefeito e o Vereador Edgar deixaram bem claro que o Festival so sai si tem o apoio irrestrito da populaçAo todo mundo colaborando e ajudando da forma que puder para que o Festival seja uma festa de todos. Para definir a programaçao da Festa o dia 1 de julho as 17 hs na Prefeitura tera uma reuniao entre as Autoridades e os donos de estabelecimentos comerciais de Igatu
Sera disponibilizada uma verba para a manutençao das fachadas de casas inclusive pintura no centro de Igatu e a costruçao de um passeio mais largo e de pedras na frente da praçA jose Gomes da Silva.
Assuntos varios:
Por enquanto nao vai ser cobrado IPTU em Igatu.
A quadra de Esportes vai sair ate 28-8 antes do Festival.
Por decreto Municipal se intimara a os donos de terrenos para sua manutençAo e limpeza
Se esta completando a limpeza de becos, ruas e cemiterio.
Escola de tempo integral vem ai.
Problemas de falta de agua de Embasa nao chegarem a algumas casas nem ao Centro Cultural entao a proposta e trazer um tecnico para estudar as medidas necessarias.
Se falou que o IPHAN vem a Igatu de vez em quando e que vem a so a fiscalizar e cobrar da Comunidade sendo que teria que ter uma atitude de orientar as pessoas.
Sera feito um multirao de regularizaçao de escrituras de terrenos que nao tenham
Convidou a re ativar a Associacao de guias ao que o Prefeito apoiara sem condiçoes.
Sera feito um levantamento das trilhas antigas ao redor de Igatu
Que o Saneamento Basico e uma responsabilidade da Uniao como a Segurança Publica e que o Esgoto de igatu era uma promessa do PAC 2 junto a enterro da fiaçao eletrica do centro Historico e que os recursos nao chegaram.
Reconheceu a sua falta de atencao para com o Parque Municipal de Igatu que foi criado com muito esforzo e dedicaçao inclusive com lutas judiciais e que ate agora nao sai do papel Tambem cobrou da Comunidade
Ficar mais comprometida com o assunto para o projeto se concretar, sera formada uma comisao que acompanhe este tema.
Serao disponibilizados R$ 6000 para a compra de antena de amplificaçAo de sinal de celular em Igatu
Por ultimo o Prefeito convidou a discutir um Calendario de Eventos do Municipio de Andarai.

Sao Joao Baptista

João Batista (Judeia, 2 a.C. — 27 d.C.) foi um pregador judeu do início do século I, citado pelo historiador Flávio Josefo e os autores dos quatro Evangelhos da Bíblia.Segundo a narração do Evangelho de São Lucas, João Batista era filho do sacerdote Zacarias e Isabel , prima de Maria, mãe de Jesus. Foi profeta e é considerado, principalmente pelos cristãos ortodoxos, como o “precursor”1 do prometido Messias, Jesus Cristo.sao joao
A importância do seu nome João advém do seu significado que é “Deus é propício” e apelidaram-no “Baptista” pelo facto de pregar um baptismo de penitência (Lucas 3,3)2 . Baptizou muitos judeus, incluindo Jesus, no rio Jordão, e introduziu o batismo de gentios nos rituais de conversão judaicos, que mais tarde foram adptados pelo cristianismo.
É o único santo cujo nascimento e martírio, em 24 de Junho e em 29 de Agosto respectivamente, são evocados em duas solenidades pelos cristãos3 .
João nasceu numa pequena aldeia chamada Aim Karim, a cerca de seis quilômetros lineares de distância a oeste de Jerusalém
Como era prática ritual entre os judeus, o seu pai Zacarias teria procedido à cerimónia da circuncisão, ao oitavo dia de vida do menino. A sua educação foi grandemente influenciada pelas acções religiosas e pela vida no templo, uma vez que o seu pai era um sacerdote e a sua mãe pertencia a uma sociedade chamada “as filhas de Araão”, as quais cumpriam com determinados procedimentos importantes na sociedade religiosa da altura.
Aos 14 anos há uma mudança no ensino. Os meninos, graduados nas escolas da sinagoga, iniciam um novo ciclo na sua educação. Como não existia uma escola em Judá, os seus pais terão decidido levar João a Engedi (atual Qumram) com o fito de este ser iniciado na educação nazarita.
O pai de João, Zacarias, terá morrido no ano 12 d.C.. João teria 18-19 anos de idade, Isabel ficaria dependente de João para o seu sustento. Era normal ser o filho mais velho a sustentar a família com a morte do pai. João seria filho único. Para se poder manter próximo de Engedi e ajudar a sua mãe, eles terão se mudado, de Judá para Hebrom (o deserto da Judeia). Ali João terá iniciado uma vida de pastor.
Isabel terá morrido no ano 22.d.C e foi sepultada em Hebrom. João ofereceu todos os seus bens de família à irmandade nazarita e aliviou-se de todas as responsabilidades sociais, iniciando a sua preparação para aquele que se tornou um “objectivo de vida” – pregar aos gentios e admoestar os judeus, anunciando a proximidade de um “Messias” que estabeleceria o “Reino do Céu”.
O Discurso principal de João era a respeito da vinda do Messias. Grandemente esperado por todos os judeus, o Messias era a fonte de toda as esperanças deste povo em restaurar a sua dignidade como nação independente. Os judeus defendiam a ideia da sua nacionalidade ter iniciado com Abraão, e que esta atingiria o seu ponto culminar com achegada do Messias. João advertia os judeus e convertia gentios, e isto tornou-o amado por uns e desprezado por outros.
Importante notar que João não introduziu o baptismo no conceito judaico, este já era uma cerimónia praticada. A inovação de João terá sido a abertura da cerimónia à conversão dos gentios, causando assim muita polémica.

João batizava em Pela, quando Jesus se aproximou, na margem do rio Jordão. A síntese bíblica do acontecimento é resumida, mas denota alguns fatores fundamentais no sentimento da experiência de João. Nesta altura João encontrava-se no auge das suas pregações. Teria já entre 25 a 30 discípulos e batizava judeus e gentios arrependidos. Neste tempo os judeus acreditavam que Deus castigava não só os iníquos, mas as suas gerações descendentes. Eles acreditavam que apenas um judeu poderia ser o culpado do castigo de toda a nação. O baptismo para muitos dos judeus não era o resultado de um arrependimento pessoal. O trabalho de João progredia [carece de fontes].
Os relatos Bíblicos contam a história da voz que se ouviu, quando João batizou Jesus, dizendo “este é o Meu filho amado no qual ponho toda a minha complascência”. Refere que uma pomba esvoaçou sobre os dois personagens dentro do rio, e relacionam essa ave com uma manifestação do Espírito Santo. Este acontecimento sem qualquer repetição histórica tem servido por base a imensas doutrinas.
O aprisionamento de João ocorreu na Pereia, a mando do Rei Herodes Antipas I no 6º mês do ano 26 d.C.. Ele foi levado para a fortaleza de Macaeros (Maqueronte), onde foi mantido por dez meses até ao dia de sua morte. O motivo desse aprisionamento apontava para a liderança de uma revolução. Herodias, por intermédio de sua filha, tradicionalmente chamada de Salomé, conseguiu coagir o Rei na morte de João, e a sua cabeça foi-lhe entregue numa bandeja de prata.
Os discípulos de João trataram do sepultamento do seu corpo e de anunciar a sua morte ao seu primo Jesus

Reuniao da ASSETURAI – 10-6-2014

Finalmente ontem dia 10- 6- 2014 foi realizada a reuniao da ASSETURAI (Associacao dos empreendedores de Turismo de Andarai e Igatu) no Art Hotel Cristal de Igatu as 19 hs com a presença de diversos empreendedores turisticos do Municipio e sem a presença de um representante do Municipio que foi convidado a participar e informar a situaçao atual no que diz respeito ao Turismo e desenvolvimento de açoes para promover o Municipio. Lamentavel ausencia.
Iniciou-se a discutir a pauta com a palavra da Presidente Vanessa que fez uma sintesis do Evento realizado na Semana Santa sobre escalada: EENE encontro de Escaladores do Nordeste 2014 que foi realizado em Igatu e contou com a participaçao de quasi 200 inscritos de todo o Brasil. Segundo os organizadores locais foi um exito. Foi sugerido pelo Sr Alejandro uma data anual para um encontro de Escaladores em Igatu, mais, ha uma grande dificuldade para organizar eventos de grande porte sem o apoio incondicional da Prefeitura e de patrocinadores e divulgadores a nivel Nacional.
Sobre o Comtur a palavra foi do Sr Carlos que explicou as dificuldades para a aprovacao do Regimento interno, sendo que foi aprovado pelos membros do Comtur mais nao pela Advogacia da Prefeitura o que necessita agora voltar para os membros do Comtur para discutir as modificacoes solicitadas.
Assim passou quasi um ano da formaçao do Comtur sem que tenha sido formado legalmente e nao possa atuar no Municipio.
Ao respeito do Salao de Turismo que aconteceu em Salvador 2014 a Presidente diz nao ter sido convidada nem avisada pela Bahiatursa visto que o Municipio carece de Secretario de Turismo depois da saida de Sr Cesar.
Ao respeito do Salao de Turismo a nivel Nacional a ser realizado no mes de novembro em Sao Paulo foi explicado que para participar do mesmo e necessario alugar stand e ter material de divulgacao.
Ao respeito de divulgaçAo o folder de Andarai- Igatu ja foi discutido pelos membros da Associaçao mais que agora seria necessario a Arte Final e a criaçao de Logotipo Convocado a Sr Luciano de Igatu orçAmento para tal fim.
O sr. Carlos informou da possibilidade de trazer para o Municipio uma etapa de caiaque a nivel Nacional que poderia acontecer nos Marimbus de Andarai e ser na segunda quinzena de janeiro. Para organizaçao de tal evento se pensa em uma empresa privada visto a falta de experiencia de todos nos para tal fim.
Mais que seria otimo para o desenvolvimento do Turismo na regiao por ser um esporte que esta na midia no momento tem muita aceitaçao de um publico diferenciado.
Sem mais se da por terminada a reuniao.
Conclusoes:
A Realizaçao do EENE foi um exito de publico e deixara uma ampla divulgaçAo de Igatu nesse esporte.
Seria otimo a continuidade neste sentido organizando um encontro anual de Escaladores em Igatu
O COMTUR esta ainda discutindo o regimento interno e nao sai do papel, sendo assim nao capta recursos e nao desemvolve o Turismo no Municipio.
Se discute a falta de Secretario de Turismo um grave problema para o Municipio.
Se perdeu a oportunidade de participar do Salao de Turismo a nivel Estadual de 2014 por falta de comunicacao entre a Bahiatursa e o Municipio e se denota a falta de possibilidadesde participar do Salao de Turismo a nivel Nacional por falta de recursos e de material de divulgaçAo.
Um dos meios de divulgacao que e o folder de Andarai ainda nao sai da arte final e nao temos nem Logo
A possibilidade de trazer um evento novo para Andarai como uma data competitiva de Caiaques poderia ser realizada por uma empresa privada.
Ale Danzi

MARATONA 42K CHAPADA DIAMANTINA EM IGATU 2014

A Maratona 42 k acontecera em Igatu na Chapada Diamantina nos dias 10 e 11 de outubro, as inscriçoes ja estao abertas, participe voce tambem:

CRONOGRAMA GERAL

Sexta-feira, 10 de Outubro.

- 12:00 – 20:00: Entrega de kits– Galeria Arte & Memória na Rua Luis dos Santos, s/n. Igatu-BA
- 16:00 Apresentação do GRUPO DE CAPOEIRA ESQUIVA de Andaraí

Sábado, 11 de Outubro.

- 05:00: Abertura da área de transição
- 06:45 Largada do Longo 12km
- 07:00 Largada do Solo, Dupla e Quarteto
- 17:00 Premiação
- 18:00 Encerramento da prova

- * Os Horários das premiações podem sofrer alterações sem aviso prévio, fique atento aos informes do evento.

As inscrições serão encerradas no dia 01 de Outubro de 2014

Clique aqui para fazer sua inscrição.

Custarão:

Modalidade Longo 12km

- A partir de 01 de Novembro de 2013 – R$ 120,00 + taxa de conveniência.

- A partir de 31 de Julho de 2014 – R$ 160,00 + taxa de conveniência.

- A partir de 31 de Agosto de 2014 – R$ 190,00 (Último mês) + taxa de conveniência.

Modalidade Solo 42km

- A partir de 01 de Novembro de 2013 – R$ 160,00 + taxa de conveniência.

- A partir de 31 de Julho de 2014 – R$ 200,00 + taxa de conveniência.

- A partir de 31 de Agosto de 2014 – R$ 240,00 (Último mês) + taxa de conveniência.

Modalidade Dupla

- A partir de 01 de Novembro de 2013 – R$ 240,00 + taxa de conveniência.

- A partir de 31 de Julho de 2014 – R$ 320,00 + taxa de conveniência.

- A partir de 31 de Agosto de 2014 – R$ 380,00 (Último mês) + taxa de conveniência.

Modalidade Quarteto

- A partir de 01 de Novembro de 2013 – R$ 480,00 + taxa de conveniência.

- A partir de 31 de Julho de 2014 – R$ 640,00 + taxa de conveniência.

- A partir de 31 de Agosto de 2014 – R$ 760,00 (Último mês) + taxa de conveniência.

Associaçao dos Empreendedores em Turismo convoca reuniao

Aos
Empreendedores em Turismo de Andaraí e Igatu

Prezados Senhores e Senhoras,

REF.: CONVOCAÇÃO PARA AGE DA ASSOCIAÇÃO DOS EMPREENDEDORES EM TURISMO DE ANDARAÍ E IGATU – ASSETURAÍ
Convidamos o Srs. a participar de Assembléia Geral Extraordinária a ser realizada no dia 05/06/2014, quinta-feira, às 18:00h, em primeira convocação e 19:00h em segunda convocação, no Abrigo de Montanha Xique-Xique, em Igatu.

Pauta da AGE:

Realização do EENE Igatu 2014
COMTUR
Salão de Turismo 2014
Festival de Igatu 2014
Evento de Caiaque em Andaraí
O que Ocorrer

Contamos com a presença de todos!!

Atenciosamente,

ASSOCIAÇÃO DOS EMPREENDEDORES DE TURISMO DE ANDARAÍ E IGATU

Vanessa Rebouças D´Oliveira

Presidente

Boca a boca ferramenta de marketing para pequenhos empreendimentos

Marketing de boca-a-boca, também chamado de publicidade de boca-a-boca, é uma forma gratuita de promover, de forma oral ou escrita, produtos, serviços, empresas ou eventos, e é principal e geralmente utilizada pelos seus consumidores, que relatam a outras pessoas a sua experiência pessoal com os mesmos.
boca5 É um dos tipos mais credíveis de publicidade, uma vez que quem o põe em prática não está a ganhar dinheiro para o fazer e coloca a sua reputação em risco ao recomendar um produto ou serviço. O marketing buzz, ou simplesmente “buzz” é um termo utilizado em marketing de boca-a-boca no qual a interação entre os consumidores ou utilizadores de um serviço ou produto serve para amplificar a mensagem publicitária original.
boca2 “Buzz” é descrito como uma forma de expectativa entre os consumidores, uma excitação ou antecipação positiva mas vaga sobre um produto ou serviço. O “buzz” positivo é por norma o objetivo do marketing viral, das relações públicas e da publicidade nos meios da Web 2.0. O termo refere-se tanto à execução dessa técnica de marketing como ao resultado positivo obtido. Exemplos de produtos com um marketing buzz forte na sua apresentação foram Harry Potter, o Volkswagen New Beetle, Pokémon, Beanie Babies e “O Projecto Blair Witch”.
boca
O marketing viral e a publicidade viral são termos que se referem a técnicas de marketing que usam redes sociais já existentes para produzir um aumento na fama de uma marca ou para atingir outros objetivos de marketing (tais como produtos em saldos) através de processos virais auto-reprodutores, semelhantes ao contágio de um vírus de saúde ou vírus informáticos. É a palavra de boca-em-boca enviada e aperfeiçoada pela Internet. As promoções virais podem surgir sob diversas formas: vídeo clips, jogos Flash interactivos, jogos publicitários, ebooks, software de marca, imagens e até mensagens de texto. O objetivo dos programas de marketing virais reside na identificação de indivíduos com um elevado PRS – Potencial de Rede Social –, terem uma elevada probabilidade de serem capturados por outros utilizadores, e criarem uma mensagem viral que apele a este segmento da população. O termo “marketing viral” foi também utilizado de forma pejorativa para se referir a campanhas de marketing furtivas – o uso sem escrúpulos do astroturfing online combinado com a publicidade barata em centros comerciais para criar a impressão do entusiasmo boca-a-boca espontâneo.
El boca a boca es una técnica que consiste en pasar información por medios verbales, especialmente recomendaciones, pero también información de carácter general, de una manera informal, personal, más que a través de medios de comunicación, anuncios, publicación organizada o marketing tradicional.
El boca a boca típicamente se considera una comunicación hablada, aunque los diálogos en internet, por ejemplo, en blogs, foros o e-mails a menudo se incluyen ahora en la definición. La promoción basada en el boca a boca es altamente valorada por los vendedores. Se siente que esta forma de comunicación tiene credibilidad valiosa a causa de la fuente de la que proviene. La gente está más inclinada a creer la palabra del boca a boca que formas más formales de promoción porque el comunicador es poco probable que tenga un interés ulterior (p.ej.: no intenta venderte algo). También la gente tiende a creer a la gente que conoce.
El marketing boca a boca, tal como se denomina esta disciplina, se basa en el marketing de 3era generación. En la primera lo principal eran los productos, mientras que en la segunda lo relevante son las relaciones. En esta 3era generación la empresa tiene un papel casi secundario y simplemente inicia los disparadores para que el boca a boca se expanda de manera exponencial entre los propios consumidores. Ahí radica el secreto de su éxito.
Para fabricar el boca a boca, los vendedores utilizan técnicas de publicidad. Una forma muy acertada de la promoción de boca a boca consiste en crear un zumbido (buzz, en inglés). Un zumbido es una forma altamente intensa e interactiva de boca a boca. El boca a boca es esencialmente un proceso lineal con la información que pasa de un individuo a otro, y a otro más y así sucesivamente. Un vendedor ha creado con éxito un zumbido cuando las interacciones son tan intensas que la información se mueve en un patrón en forma de matriz más que lineal. Todo el mundo está hablando del asunto. Hay un cierta diferencia de significado entre el boca a boca y los siguientes términos: rumor, chisme y cotilleo; las connotaciones negativas de estas palabras no existen en el signoreja.
Se pueden realizar campañas de marketing boca a boca. Inicialmente, hay que conocer en profundidad a los clientes y no clientes de cada empresa. ¿Qué hacen durante el día? ¿Son personas con muchos contactos? ¿Cómo se comunican?. Después de ello debemos identificar cual es el “wording”, es decir, las palabras que se utilizan para hablar de nuestro producto. Esas son las fases iniciales que no pueden faltar en ninguna campaña de boca a boca.
En castellano la expresión correcta es boca a boca o boca en boca, ya que boca a oreja es un catalanismo (bocaorella, literalmente ‘boca oído’). La argumentación que dice que boca a boca no tiene sentido porque en realidad la comunicación se realiza desde la boca desde el que habla hacia la oreja del que escucha no se sostiene porque se trata simplemente de otro punto de vista; cuando usamos la expresión boca a boca nos estamos refiriendo a que la información “va de boca en boca”, es decir, que lo que una boca empezó a decir acaban diciéndolo otras.

Queima de Judas

La “quema de Judas” es una tradición muy antigua que se originó en pueblos de España y, luego de la Conquista de América, también pasó a algunos lugares de nuestro continente,

judas 2

como Venezuela, México o Uruguay. Generalmente el Domingo de Resurrección, se apedrea, lincha o quema un muñeco (representado por un diablo o un personaje político) que simboliza a Judas Iscariote, por su traición a Cristo. judas

A queima de Judas e uma tradiçao muito antiga de origem europeia que chegou nas Americas depois do descobrimento e esta arraigada na Venezuela, Mexico e Uruguay. Geralmente o domingo da Resurreiçao se apredreja, lincha ou queima um boneco representando o diabo ou algum politico Simboliza a Judas Iscariote por sua traiçao a Cristo. No Igatu na Chapada Diamantina a queima do boneco e no sabado de todas as Pascoas.